domingo, 12 de abril de 2009

PÁSCOA - FESTA DE LUZ ETERNA

"A Páscoa é uma eterna recordação de que a terra pisoteada ressuscitará."
Martin Luhter  King




Não temos o hábito de procurar a história por trás dos fatos. Estamos no tempo de Páscoa. Entretanto, quase todos nos esquecemos o que significa exatamente a Páscoa.Faça uma pesquisa?!...Pergunte a alguns: o que é Páscoa? O que se festeja? Vamos constatar que a falta de memória (ou de conhecimento) é coletiva.

A palavra Páscoa vem de" Pessah" festa anual judaica que comemora a saída dos judeus do Egito, a passagem pelo mar vermelho, a passagem de uma vida de escravidão para a liberdade.

Foi durante a celebração da Pessah que Jesus Cristo foi preso, condenado e crucificado. Ressuscitou três dias após e esta ressurreição é o acontecimento mais importante da religião católica: o registro da passagem da morte à vida!  A Páscoa!!  A Vida Nova!!...

A Páscoa cristã é uma festa móvel e obedece ao calendário solar. Sua data foi fixada pelo imperador Constantino no ano 325. No hemisfério norte é tempo de passagem do inverno para a primavera, tempo do recomeço da vida agrícola, do reflorescer da vida no campo! Mais uma passagem!

E OS OVOS? ONDE ELES ENTRAM NESTA FESTA CRISTÃ?

O ovo é um dos primeiros símbolos religiosos. É símbolo de fertilidade e eternidade. Contém um repositório de vida nova! É associado a tudo que é positivo e puro:

VIDA - PASSAGEM - TRADIÇÃO - PÁSCOA.

Ovo de Páscoa! 

Tradição sagrada de oferta!

Símbolo máximo da festa Pascal!

Há uma explicação lógica para este costume tão antigo.
Durante a quaresma, época de abstinência, não se podia comer nem vender ovos. Eles acumulavam-se e ninguém sabia o que fazer com tantos ovos.Por isso começaram a pintá-los para oferecer aos amigos  e aos pobres como  agradáveis presentes.  

Desde o século XII os ovos eram consagrados  na Igreja e oferecidos ao final da missa pascal.
No século XVIII , na França, o maior ovo posto na Semana Santa era oferecido ao rei Luis XIV que mandava benzer enormes cestas de ovos pintados de dourados e distribuia aos seus cortesãos. 

A cesta de ovos trazida pelo coelhinho foi espalhada pelos alemães.A princípio eram ovos cozidos e pintados.Só no século XX os ovos naturais foram substituidos pelos de chocolate.

Hoje, os ovos de chocolate chegam nas mais lindas e diversificadas embalagens.
Como estas cestinhas de papel dobrado que eu fiz  para  mostrar a vocês:




Ou dentro de coelhinha como esta, feita sobre uma garrafa pet:

O pet tem uma abertura redonda na parte de trás, por onde passamos as guloseimas. Podemos fazer com o pet sem cortes, cheio de areia, para ser peso do que  quizermos:  porta,  papéis...

PÁSCOA!
A festa do Cristo que é a expressão da verdade!
Que a Páscoa ecoe em nós  o principal ensinamento da verdade:viver de acordo com o que se fala!!!...

FELIZ E SANTA PÁSCOA PARA TODOS!



9 comentários:

Menino Falk disse...

Ieda, adorei seus trabalhos. Ficaram lindos. Tenha um excelente domingo de Páscoa também. Beijos!

Iêda Klein disse...

OI, Falk.
Obrigada pela visita e pelo carinho. eu também amo seus trabalhos!

Olenka's Stitches disse...

Your Easter projects are so adorable!
Happy Easter!

Giovana disse...

Oi Iêda,
Seus trabalhos estão muito bonitos e seu texto muito informativo.
Acabei de chegar do correio, enviei sua troquinha. Espero que goste. O nº para vc poder rastrear: EC 71815629 9 BR
Bjs,
Giovana

Danikinha disse...

lindos!Adorei todos.Parabéns Ieda,seus trabalhos estão cada vez mais bonitos.
bjus e boa semana.

Dani

Sandra... disse...

Qué proyectos más lindos que has realizado para estas Pascuas.. te felicito!!
Me gustó mucho la frase con que comenzaste el post, muy bella!
Un beso♥

Conceição disse...

OLÁ TUDO BEM?ESTOU DANDO UMA PASSADINHA PARA VER AS NOVIDADES.AMEI!!! SÃO TODAS MARAVILHÓSAS!SEU BLOG ESTÁ DIVINO.UM ABENÇOADO FINAL DE SEMANA.BJOKAS


"A perseverança é saber
que o impossível não existe.
Deus, nos concede a cada dia,
uma página de vida
nova no livro do tempo.
Aquilo que colocarmos nela,
corre por nossa conta."
obrigada por sua visiata e pelas palavras de carinho

Maramco disse...

Es un gran relato, hay muchos detalles que se nos olvidan de nuestra religión y en verdad son cosas muy importantes. Me encantan las cestitas de papel doblado.

Un gran abrazo

Sandra... disse...

Iêda, muchas gracias por tus palabras tan bellas en mi blog. Siempre seràs bienvenida y si bien hablamos idiomas distintos, creo que nos entendemos :)
Un beso grande!!